sábado, 30 de maio de 2009

Convidado Central #1. OLGA RORIZ

.
.

(...) Para que a paisagem se complete, soa uma canção atrás doutra até o princípio se tornar fim.
Até o princípio se tornar fim como todas as coisas belas.
O belo, esse ser belo, ser-se belo!?

Esse belo que nos provoca. Que nos faz parar, avançar, recuar. Esse belo presente passado retido na memória.

Todas essas coisas belas que nos tranquilizam e inquietam, acalmam e excitam, adormecem e despertam.

Esse balsâmico, afrodisíaco, inebriante, alcoólico e ardente vício.

Esse vício que é tão inútil procurar, quanto é inútil fugir ao seu feitiço (...)



Olga Roriz / Dezembro 2004
[Excerto de texto cedido à INÚTIL pela autora.]

Photobucket

.
.
__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
.
.
.
..
.
.
.
.
Photobucket .
.
.
Para adquirir os números da INÚTIL Revista por favor endereçar o pedido para: inutil.revista@gmail.com
.
. #1. A IRA________ 13,00€ [ esgotado ]
. #2. O TEMPO_____ 13,00€ + portes de envio
.
. -
.
. To buy other issues of INÚTIL Magazine, please address the order to: inutil.revista@gmail.com
.
. #1. A IRA________ 13,00€ [ sold out ]
. #2. O TEMPO_____ 13,00€ + shipping costs
.
.
.
. .
A minha foto
«Podemos perdoar um homem que faça uma coisa útil desde que não a admire. A única desculpa para fazer uma coisa inútil é ser objecto de intensa admiração.» Oscar Wilde
"INÚTIL revista" on Facebook